Estrada Real - Caminho dos Diamantes - Dia 04 - Morro do Pilar a Bom Jesus do Amparo

Nossa, como a viagem passa rápido! Já estamos no quarto dia de viagem... núuu...

Ontem, na nossa reunião diária durante o jantar, resolvemos alterar um pouco o roteiro previsto. Inicialmente iríamos de Morro do Pilar até Ipoema, mas resolvemos esticar mais um pouquinho. Alongamos a viagem em 13km (de asfalto) com a ideia de chegar a Bom Jesus neste mesmo dia.

Bom, o começo do dia é sempre igual...tomar aquele cafezão da manhã (resguardar um lanchinho pra tarde também...rss...), arrumar as coisas e pedalar...

A dona da pousada, disse que saímos num horário bom, eram umas 7:30 da manhã. Ela disse que um bom trecho da estrada até Itambé do Mato Dentro tem muito movimento de veículos, devido às obras do mineroduto, e o pessoal sai geralmente antes das 7hs pra pegar o batente.

Bom, o fato é que mesmo saindo as 7:30 a estrada ainda estava bem movimentada. Muitos carros, caminhões e se preparem...muuuuuuuuiiiitttaaaaa poeira. Foi assim por mais ou menos 20km... depois, a estrada fica uma paz. Mas não se engane, as subidas e descidas são bem generosas.






Já se aproximando à Itambé do Mato Dentro nos deparamos com poucos carros e as paisagens são cada vez mais lindas. É possível avistar o "Travessão", são montanhas que formam um divisor natural das bacias dos Rios São Francisco e Doce, e estão localizadas no Parque Nacional da Serra do Cipó. No Caminho também tem as famosas Duas Pedras, que ficam bem na estrada e formam uma paisagem bem bacana.

Abaixo algumas fotos da Branquinha, se achando a toda poderosa. rss






Uma curiosidade: bem aí, em meio a essas pedras, morou um homem por alguns anos. Eu tive o prazer de conhecê-lo. Era o "Dominguinho das Pedras", um homem que largou a vida da cidade grande (ele chegou a morar em SP), ele disse que por causa de um coração partido,  e foi viver como um eremita neste lugar. Fizeram um documentário sobre a vida dele  e tem também reportagens, como essa aqui na internet. Bom, o fato é que depois de um tempo tiraram ele de lá e levaram pra um asilo em Itabira-MG. Mas, acho que ele não se adaptou aquela vida e acabou morrendo em 2011. 

Depois da subida que vai dar nestas pedras, você já começa a avistar Itambé do Mato Dentro ao longe. Mas ainda terá algumas boas subidinhas e descidas e muitos trechos com bastante areia na estrada. Até pensei que estava numa estradinha de litoral :P . Há cuidado...teve gente comprando terrenos nestas areias aí!

Em Itambé fui tentar encontrar uns amigos...encontrei a Luciana e fui na Pousada Lava Pés ver se encontrava o João, mas ele não tava lá.

Fizemos um bom lanche na cidade, alguns optaram por ir a Cachoeira do Lúcio, que fica bem próxima à cidade, mas nós (Eu, Andréa  Jesús e André) preferimos continuar o caminho que ainda era longo....teríamos mais uns 50km pela frente.

Aqui encontramos mais dois ciclistas de Contagem-MG que faziam o percurso em sentido contrário. Alertamos eles sobre a questão da hospedagem em Morro do Pilar. Bom...o sol da tarde castigando.. seguimos adiante...logo logo estaríamos em Senhora do Carmo e em seguida em Ipoema, ambos distritos da minha cidade: Itabira. Confesso que deu uma vontade de chegar em casa...mas a vontade passou logo...rss...

Neste trecho tivemos pequenos problemas...saindo de Senhora do Carmo, acho que depois de uns 5km pedalados, a nossa colega Andréa, teve a infelicidade de ser mordida por um cachorro. Mas não era um cachorrinho qualquer, era um pastor alemão, que estava solto e pertencia aos donos de um bar a beira da estrada. A Andréa vinha por último e não vimos a cena. Mas segundo ela, o pessoal do bar viu a situação e nem prestou socorro.

Voltamos para encontrá-la e ela estava muito nervosa. Conseguimos uma carona para levá-la ao posto de saúde de Ipoema, mas não dava pra levar a bike...eu segui pedalando na frente pra encontrá-la e os meninos foram revesando empurrando a bike dela. Faltavam ainda uns 10 km pra chegar a Ipoema, eles penaram tadinhos.

Em Ipoema a Andréa foi atendida, tomou a vacina e já estava mais calma. Eu tentei registrar uma ocorrência policial, pra pelo menos o cara do bar ser alertado sobre o perigo que estava causando as pessoas que passavam por alí, MAS só fui encontrar um policial quando já estávamos indo embora da cidade.

Há, aproveitei e dei um oi pro Ronei da pousada Tropeiro Real, que sempre recepciona os turistas e mostra as várias belezas da região, além de promover vários eventos, e alguns muito interessantes ligados à fotografia. Ele, claro, tirou algumas fotinhas nossas.

Saímos de Ipoema já era noite, mas a estrada era asfaltada até Bom Jesus do Amparo e não era muito movimentada, então foi tranquilo. Chegamos à nossa pousada e tudo que queríamos era banho, comida e cama...mas não ...ainda tinha o jogão do Galo...final da libertadores pra assistir. Confesso que depois de comer só fui capaz de dormir...rss...acordei com os gritos de alegria da Andréa e da pousada quase toda, com o GALAO sendo campeão.

O dia foi longo...mais de 80km pedalados...mas como todos os outros, apesar dos tropeços no caminho...foi um dia muito bom, principalmente por ter o Galo campeão da Libertadores!!!!


Resumo do Dia:


Distância Percorrida (Morro do Pilar a Bom Jesus do Amparo) : 85 km

Detalhes em :


http://connect.garmin.com/activity/349133760


Ganho de elevação:2,527 m
Perda de elevação:2,398 m
Elevação mín.:535 m
Elevação máx.:931 m












Dicas úteis:

  • Em Itambé do Mato Dentro recomendo a Pousada Lava Pés. O atendimento será vip com certeza. Procurem pelo João Ricadro ou pela Nini (31)3836-5143
Se estiver com tempo fique um dia em Itambé e aproveite para conhecer as inúmeras cachoeiras da região e também para conhecer o povoado de Cabeça de Boi. Lugarejo singular e fica apenas a 12 km de Itambé.
Recomendo também ficar um dia, se puder, pra conhecer as cachoeiras lindas de Ipoema, Cachoeira Alta, Cachoeira do Patrocínio e outras. Além do lindo lugar chamado Morro Redondo. Vale muito a pena.
  • Em Bom Jesus do Amparo ficamos na Pousada Real . É simples mas vale a pena. R$ 35,00 por pessoa com café da manhã. Tel: 31-3833-1185.

  • Jantamos no restaurante Aconchego Mineiro, a Marilene é a responsável. Tel: 31-88713666 e 9177-4440. Acho que foi R$ 10,00 o jantar muito bem servido.

  • Há, passando por Bom Jesus (mesmo que não vá pernoitar lá) procure pelo Fernando Gonçalves. Ele faz o registro, em um livro, de todas as pessoas que passam por lá fazendo a Estrada Real. Não deixe de conhecê-lo, é uma pessoa muito prestativa, e também de assinar o livro.
Quer ter todo conteúdo desta viagem, de forma prática e disponível para acesso em qualquer lugar?
Tem o e-book disponível no site da Amazon. 
Clique aqui e confira!!!!

Mais algumas fotos:



















Comentários

  1. legal conhecer voces, bikers ! obrigado pelo registro em nosso livro ( 2º). voces escreveram mais algumas paginas dessa estrada real. que é infinita ! rs. um abraço a todos voces ! fernando gonçalves, guia de turismo, em bom jesus do amparo-mg, caminho dos diamantes. contato: ferghuma@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fernando...pouco a pouco o relato sai do papel e vai pra telinha. Amanhã posto as fotos de Bom Jesus do Amparo. Valeu pela receptividade de sempre.
      Abraços.

      Ada

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Sujou...pintou cachorro na área...o que fazer???

Documentário: "Um ano entre Kouru e Ushuaia.

Aplicativos úteis em viagens de bicicleta!